Escrivinhando... - Graciliano Tolentino
A FELICIDADE só é PLENA quando é COMPARTILHADA!!!
Capa Meu Diário Textos E-books Fotos Perfil Livro de Visitas Contato Links
Textos
NOSSA SENHORA do AMOR

-Cordel do dia 01-04-2020 –

(Em Homenagem aos 94 anos de nascimento de D. Graciliana Maria da Conceição)

Do barro que Deus fez a vida
Nos deu de presente a nossa
Com mãos tão talentosas
E um coração cheio de amor
Fez de horas tristes, gloriosas
De momentos frios, nos deu calor

Pra mim que foi protetora
E foi duas vezes mãe
Duas vezes genitora
Fruto do teu fruto
Tu que é as mentora
Do sucesso absoluto

Sucesso que reina no amor
Que se dá a quem não tem
Não só a quem lhe convém
Em qualquer dia que for
E ainda que seja no além
Se põe a nosso dispor

De suas mãos talentosas
Deu e dá vida a tantos outros
Ainda de sangue teus filhos
Que orienta aí dos astros
Que da vida são maestros
De tudo que deste em brilho

As palavras misteriosas
Que rezava com arruda
Nossas mãos em rezas postas
Para o único alento de ajuda
E sendo em corpo tão miúda
Sempre teve alma robusta

Deus te trouxe e aqui ficou
Nem teu corpo não se foi
Dentro de cada um deixou
O seu toque de esperança
Que no olhar de cada criança
Nessa vila se espalhou

Sempre foi analfabeta
Do encarnar até a partida
Mas nos ensinaste em vida
Muito certa a nossa meta
Que pra ela estar completa
Sem deixar nenhuma dívida

Temos que cuidar do povo
Este que tu amaste em vida
E ensinar as crianças
Que sempre esteve resolvida
E guardar em sua lembrança
Pra que nunca reste dúvida

Que o amor é importante
E que lembremos em cada instante
Que no papel se escreve letra
E na parede se põe tinta
Que pra sempre e ainda
Nosso coração soletra

Os versos de nosso amor
Que foi o Pai que ensinou
E que pra sempre com fervor
Deixe pra lá o que passou
Foi a palavra que ensinou
De Jesus Cristo Nosso Senhor...

SAUDADES ETERNAS VÓ...

Graciliano Tolentino
Graciliano Tolentino
Enviado por Graciliano Tolentino em 08/04/2020
Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Comentários