Escrivinhando... - Graciliano Tolentino
Vez em quando eu sinto, em meus sonhos, o cheiro daquela terra gostosa...
CapaCapa
TextosTextos
E-booksE-books
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos


VERDADES DE ÁGUAS PASSADAS


- soneto do dia 03-07-2019 -

Junto com o silêncio da noite
Vem o triste frio da madrugada
Uma angústia de mágoa guardada

Prego no calcanhar que lateja
A mão amarrada não pode pegar
A mente adormecida festeja
Uma dor que não se vai dissipar

O peito perdido em devaneios
Floreios... Medos desvanecidos
Esperanças de sonhos perdidos
Faz tipo um pão de grão de centeio

Acordado escrevendo palavras
Algumas nem sequer se conversam
Apenas verdades... Águas passadas...

Graciliano Tolentino
Graciliano Tolentino
Enviado por Graciliano Tolentino em 03/07/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários