Escrivinhando... - Graciliano Tolentino
Vez em quando eu sinto, em meus sonhos, o cheiro daquela terra gostosa...
CapaCapa
TextosTextos
E-booksE-books
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos


O RESGATE EM ALTO MAR


A menina se jogou,
Pra ser feliz em alto mar,
Atormentada e de ressaca,
A maré ela encontrou,
Mas queria a acalmar.

De repente, Iemanjá ouviu o choro,
da matuta se afogando em tristeza,
Saudosa Rainha do Mar boa que é,
Acalmou a maré,
pro Rudah ela salvar.

Iemanjá tirou a ressaca,
Acalmou o mar, ela adentrou na água,
E o segurou com os punhos firmes,
Pra não mais soltar!

Menino! Me dê a mão!
Não olhe pra trás! Olha pra mim!
Confia nos olhos brilhantes!
Pra ter felicidade sem fim!

Rudah! Você está a salvo!
Eu! Mileva vim te socorrer!
Vendo você sofrer resolvi te puxar.
Mesmo sabendo que amar é também sofrer!

O cheiro do óleo de côco,
O cheiro do mexilhão.
O cheiro do Rudah!
Preenchem meu coração!

Daniele Felix - 22/04/2019.

E a menina PUNK vira poeta!
Daniele Félix
Enviado por Graciliano Tolentino em 22/04/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários